Adolescente confessa ter esfaqueado taxista no bairro Coroado


Manaus – Acompanhado da mãe e advogados, um adolescente de 17 anos – suspeito de matar a facadas o taxista Leonardo Nascimento Mascarenhas, 29, na madrugada do último sábado (5) – compareceu na Delegacia Especializada em Atos Infracionais (Deaai), para confessar a participação na morte do taxista.

Na especializada, o adolescente contou que desferiu dois golpes de faca contra o pescoço da vítima, por não ter o dinheiro para efetuar o pagamento da corrida de taxi. Ele foi liberado em seguida por não ter sido constatado flagrante.

O crime ocorreu por volta das 2h, na rua Dom Bosco, bairro Coroado 2, Zona Leste e, de acordo com boletim de ocorrência (BO) registrado na Deaai, o suspeito solicitou a corrida no Centro da cidade.

Segundo familiares, a vítima, que era taxista há seis meses, ainda chegou a ser socorrida por um colega de profissão nas proximidades do 11º Distrito Integrado de Polícia (DIP), mas, não resistiu aos ferimentos e morreu no Serviço de Pronto Atendimento (SPA) do Coroado, momentos após dar entrada. O caso será investigado pela Deaai.

Na manhã de ontem (6), diversos taxis foram flagrados pela reportagem com mensagens de luto. Familiares e amigos também lastimaram o crime nas redes sociais.

“Essas crianças (filhos das vítimas), simplesmente vão crescer sem a presença do pai. Jovem, trabalhador, um menino que vi crescer e tem sua vida interrompida. Cadê a segurança? Cadê a justiça? Cadê os governantes? Descanse em paz”, lamentou a amiga Núbia Félix.

Com informações Portal Em Tempo.


Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto:
Pular para a barra de ferramentas