Casal é preso após manter “amigo” em cárcere privado para ficar com benefício do INSS

Manaus – Policiais Militares da 29ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), prendeu, na manhã de segunda-feira (11), um casal, pelos crimes de maus-tratos e cárcere privado. A vítima foi um amigo deles, de 32 anos, o qual alega que o casal não repassava para ele o benefício do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), além de o manter preso dentro de uma residência no conjunto Parque Mauá, bairro Mauazinho, Zona Leste da capital amazonense.

A vítima identificada como Edson dos Santos, 32 anos, conseguiu fugir após uma distração do casal e conseguiu pedir ajuda aos policiais. Em depoimento, ele informou que veio há um ano do município de Japurá, no interior do Amazonas, para Manaus onde iria passar por um procedimento cirúrgico para retirada de um tumor no cérebro. Sem o apoio dos familiares ele pediu ajuda ao casal identificado como Maria Odete Ribeiro Printes, 47 anos , e José Nilton Matos Siqueira, 46 anos, amigos, que o acolheram em sua casa.

No entanto ao passar duas semanas o casal teria mudado de comportamento ao saber que o mesmo receberia benefício do INSS, passando a dopá-lo com medicação tarja preta e ameaçá-lo de morte, ficando em posse de todos os seus documentos.

Depois de prestar depoimento, Edson foi encaminhado à casa do Imigrante Jacamim para receber assistência social. O casal foi autuado em flagrante por cárcere privado e devem passar por audiência de custódia, em até 24 horas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Solve : *
39 ⁄ 13 =