Defesa sugeri comprar tornozeleira eletrônica para soltar Cachoeira

Erro no banco de dados do WordPress: [Table 'expr41812039866.wp_ryp5frf1zq_impulsosocial' doesn't exist]
SELECT * FROM wp_ryp5frf1zq_impulsosocial

Erro no banco de dados do WordPress: [Table 'expr41812039866.wp_ryp5frf1zq_impulsosocial_popup' doesn't exist]
SELECT * FROM wp_ryp5frf1zq_impulsosocial_popup

São Paulo – O advogado do bicheiro Carlinhos Cachoeira, Kleber Lopes, admite a possibilidade de comprar uma tornozeleira eletrônica para libertar seu cliente. Preso em Bangu 8, no Complexo Penintenciário de Gericinó, Caichoeira não pode ir para prisão domiciliar por falta do equipamento. As informações são do jornal O Globo.

“Meu cliente não pode ser penalizado porque o Estado (do Rio) está quebrado se há uma ordem para que ele fique em casa. O entendimento do tribunal é de que, em casos como esse, ele seja solto. Vou despachar com o juiz na segunda e, se for preciso, comprar a tornozeleira”, disse Lopes, sem revelar quanto custa a tornozeleira.

O bicheiro foi preso na Operação Saqueador junto ao ex-dono da construtora Delta, Ferando Cavendish, o ex-diretor da construtora Cláudio Abreu e os empresários Adir Assad e Marcelo Abbud. Todos aguardam tornozeleiras para saírem da prisão. Neste domingo (3), o Tribunal Regional Federal da 2ª região rejeitou o segundo pedido de habeas corpus impetrado pela defesa dos réus.

Operação da PF

O esquema da organização criminosa possuía mais de 22 envolvidos e desviou cerca de R$ 370 milhões entre 2007 e 2012. Por meio da construtora Delta, eram repassados valores para 18 companhias de fachada, com contratos fictícios. As investigações apontam que os desvios serviam para pagar propinas a agentes públicos.

Foi comprovado aumento dos valores dessas transferências em anos eleitorais. Foram feitas transferências, por exemplo, de R$ 80 milhões para uma obra inexistente chamada Transposição do Rio Turvo, no Rio de Janeiro.

Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Solve : *
18 + 2 =