Deputado do PT alfineta Moro: “Juízes celebridades”


Brasília – Em indireta ao juiz federal Sérgio Moro, que conduz as investigações da Operação Lava Jato na primeira instância, o deputado federal Wadih Damous (PT-RJ) afirmou nesta quinta-feira, 4, que o Brasil vive “tempos estranhos”, em que juízes e procuradores são celebridades.

A declaração foi feita diante da presença do magistrado, durante audiência em comissão que debate medidas de corrupção na Câmara.

Apesar de não citar nominalmente Moro como um dos “juízes celebridades”, a menção foi vista como uma declaração direcionada ao juiz federal. Moro é alvo de críticas de integrantes do PT que o acusam de violar direitos de réus e investigados ligados ao partido.

Damous, que é autor de um projeto de lei que restringe a utilização do mecanismo de delação premiada (bastante utilizado pela Operação Lava Jato), fez uma crítica velada ao MPF e a Moro, que defendem as chamadas 10 medidas de combate à corrupção, que é a base do projeto de lei em discussão na comissão especial.

“Todos nós temos engajamento na luta contra a corrupção. Entendemos ser este um debate necessário e imperioso, mas isso não é produto de oráculos ou de divindades”, afirmou Damous.

 


Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto:
Pular para a barra de ferramentas