Dilma repassou R$ 1,18 bilhão à saúde do Amazonas até abril de 2016

Erro no banco de dados do WordPress: [Table 'expr41812039866.wp_ryp5frf1zq_impulsosocial' doesn't exist]
SELECT * FROM wp_ryp5frf1zq_impulsosocial

Erro no banco de dados do WordPress: [Table 'expr41812039866.wp_ryp5frf1zq_impulsosocial_popup' doesn't exist]
SELECT * FROM wp_ryp5frf1zq_impulsosocial_popup

Manaus – A presidente afastada Dilma Rousseff injetou até março desde ano cerca de R$ 1,18 bilhões destinado a saúde no Amazonas desde 2014 até abril deste ano.

Os números, disponíveis no Portal da Transparência do governo federal derrubam os argumentos do governador José Melo de que houve diminuição de repasses ao Amazonas nos últimos anos.

Os dados foram divulgados pela senadora Vanessa Grazziotin (PCdoB-AM), para que o Governo do Amazonas não utilize como justificativa a falta de repasse do Governo Federal para os cortes na saúde do estado.

Em 2014, primeiro ano do mandato de Melo, foram liberados por meio do Sistema Único de Saúde  cerca de R$ 502 milhões contra mais de R$ 557 milhões no ano passado. Ou seja, um aumento de aproximadamente 10%.

Nos três primeiros meses deste ano, ainda no Governo Dilma, entraram no caixa do governo estadual R$ 119 milhões.

A população lamenta  o fechamento de maternidades, dos Caics (Centros de Atenção Integral à Criança) e dos Caimis (Centros de Atenção ao Idoso), “que ainda dão um mínimo de dignidade aos mais idosos e às crianças do Estado”.

Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Solve : *
9 − 5 =