Diretor humilha aluno que foi à escola de chinelo e vai preso

Brasília – Um diretor de uma escola em Peraltina, em Brasília, foi preso suspeito de humilhar um estudante após obrigar um aluno a retirar os chinelos e ficar descalço na sala de aula. O Conselho Tutelar recebeu uma denúncia e foi investigar o caso.

O diretor co CEF (Centro de Ensino Fundamental) do Arapoanga recebeu voz de prisão e foi parar na delegacia. Segundo o Conselho Tutelar da cidade, ele obrigou o menino a ficar descalço porque o jovem tinha ido de chinelos para a aula. O caso aconteceu nesta segunda-feira (5).

Em um vídeo, o menino é humilhado pelo professor e aparece com a cabeça baixa em sua carteira chorando.

A Secretaria de Educação do Distrito Federal informou que a Corregedoria de Educação tomou conhecimento da situação e vai apurar os fatos. Ainda de acordo com a nota, “caso o vice-diretor do Centro de Ensino Fundamental Arapoanga tenha se excedido, irá responder a Processo Administrativo Disciplinar”.

A pasta declarou, ainda, que o servidor não foi afastado e que “a equipe da direção da unidade escolar está prestando todo o auxílio necessário ao estudante, além de orientação pedagógica”.

Com informações R7.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto:
Pular para a barra de ferramentas