Image and video hosting by TinyPic

Hospital é condenado a indenizar mãe de bebê que teve veia estourada


Brasília – O Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios (TJDFT) condenou o governo local a indenizar a mãe de um bebê que teve uma veia estourada por técnica de laboratório do Hospital Regional de Taguatinga (HRT) em 2016. Mãe do pequeno Luan, Alexandra Teixeira Luiz venceu a ação e terá direito a receber R$ 56.220,00.

Em 13 de setembro de 2016, Alexandra Teixeira levou Luan, na época com oito meses, para tratar de uma gripe no HRT. Ao tentar tirar sangue do menino, uma técnica de laboratório estourou uma veia do braço dele, causando-lhe sintomas mais graves que o resfriado inicial.

A mãe alega ter avisado para a técnica que não havia veia no local onde ela queria perfurar, mas a profissional teria insistido no procedimento. O braço do bebê apresentou bolhas, inchaço e uma cor arroxeada.

Com informações Metrópoles 


Comments

comments

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto:
Pular para a barra de ferramentas