Mulher morre após fazer escova progressiva

São Paulo – Uma mulher morreu após um intoxicação química provocada durante o processo de uma escova progressiva. O caso aconteceu na cidade de Pindamonhangaba, interior de São Paulo, a vítima foi identificada como Márcia Gomes Alves Fernandes, de 48 anos.

No dia 14 de março Márcia sentiu dificuldade para respirar quando realizava o procedimento. De acordo com o laudo médico a mulher teve um reação alérgica aos elementos químicos que entraram em contato com o couro cabeludo.

Segundo os parentes da vítima no procedimento foi utilizado o uso de formol e e outros elementos químicos que segundo o laudo devem ter provocado a intoxicação.

Até o presente momento os familiares não registram o boletim de ocorrência na Polícia Civil.

Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Solve : *
6 ⁄ 3 =