Image and video hosting by TinyPic

PM mata ex-mulher a tiros por ‘não aceitar fim de relacionamento’


Belo Horizonte –  O policial militar Gilberto Novaes, de 35 anos, é o principal suspeito de matar a ex-mulher a tiros e fugir com a filha de 4 anos. O crime aconteceu na noite deste sábado (14/4), na cidade de Santos Dumont, a 210 km de Belo Horizonte.

Segundo a PM, o suspeito teria dado três tiros em Sthefania Ferreira, de 29 anos, fugindo em seguida em um Palio cinza com a criança. Novaes segue foragido. De acordo com a corporação, a vítima estava em casa com o namorado, quando os dois pediram uma pizza.

O policial aproveitou o momento da entrega para invadir a casa, fazendo os disparos na sala. No momento do crime, o namorado de Sthefania teria se escondido atrás de um poste. A mulher ainda foi encontrada com vida pelo companheiro, mas não resistiu aos ferimentos, morrendo antes dos socorristas chegarem. O PM estava afastado de suas funções desde o início do ano por causa de problemas psicológicos. As informações são do Metrópoles.


Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Solve : *
4 + 2 =