Manifestantes pró-Bolsonaro causa tumulto na porta do Instituto Lula e o pior acontece

São Paulo – Com o “ânimo à flor da pele”, um suposto militante do PT se irritou após ser hostilizado e acabou agredindo com um soco um seguidor do deputado Jair Bolsonaro(PSL) que foi até a frente da sede do Instituto Lula comemorar a prisão do ex-presidente Lula.

A confusão começou quando três membros petistas deixavam o prédio: entre eles o senador Lindbergh Farias, Márcio Macedo e o tesoureiro Emídio de Souza. O manifestante se aproximou e fez menção de atacá-los e  começou a proferir xingamentos. Um dos dirigentes discutiu com o homem mandando ele ir embora. No entanto um homem ainda não-identificado tentou interferir mais acabou sendo hostilizado pelo manifestante. Os dois se empurraram e durante o tumulto o homem que protestava acabou sendo agredido com um soco no rosO e caiu e bateu a cabeça  no para-choque de um veiculo  e ficou desmaiado na rua.

Assista: 

Após a agressão a vítima ficou se debatendo na rua por cerca de cinco minutos, com um sangrando na cabeça. Com a demorado Samu, o homem se levantou e foi andando até hospital São Camilo, que fica nas imediações do instituto Lula.

Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Solve : *
18 ⁄ 6 =