Marinha e Exército oferecem 2.060 vagas em concurso

Manaus – Dois concursos tiveram seus editais publicados, com a oferta total de 2.060 vagas, das quais 960 são para a Marinha e 1.100 para o Exército. Foi publicado ontem (19) o edital de abertura do concurso da Marinha 2019 para admissão ao Curso de Formação de Soldados Fuzileiros Navais. As 960 oportunidades são destinadas a homens com idades entre 18 e 21 anos (em 1º de janeiro de 2020) e ensino médio completo. Do total de postos, 20% são reservados a candidatos negros.

O curso terá duração de 17 semanas e será ministrado em duas cidades. São 720 vagas no Centro de Instrução Almirante Milcíades Portela Alves, no Rio de Janeiro/RJ, e 240 no Centro de Instrução e Adestramento de Brasília, em Brasília/DF. Com taxa de R$ 42, as inscrições no concurso da Marinha começam em 27 de fevereiro e se encerram em 28 de março, devendo ser efetuadas pelo site oficial da Marinha ou pessoalmente em diversas regiões.

Haverá atendimento presencial em Aracaju/SE, Belém/PA, Brasília/DF, Florianópolis/SC, Fortaleza/CE, Foz do Iguaçu/PR, João Pessoa/PB, Ladário/MS, Maceió/AL, Manaus/AM, Marataízes/ES, Natal/RN, Paranaguá/PR, Porto Alegre/RS, Recife/PE, Rio de Janeiro/RJ, Rio Grande/RS, Rio Novo/MG, Salvador/BA, São Luís/MA, São Paulo/SP, Uruguaiana/RS e Vitória/ES. A primeira etapa terá prova objetiva com 50 questões de múltipla 

A aplicação está agendada para 28 de maio. Nas fases seguintes, os candidatos passarão por inspeção de saúde, teste de aptidão física, avaliação psicológica e verificação de documentos, em datas a serem definidas. Os aprovados serão matriculados na condição de recruta fuzileiro naval, com direito a remuneração de R$ 956, alimentação, uniforme e assistência médico-odontológica.

Após conclusão do curso com aproveitamento, os recrutas serão elevados ao cargo de soldado fuzileiro naval, com vencimentos de R$ 1.856, e cumprirão estágio inicial em uma das unidades da Marinha distribuídas entre o Rio de Janeiro/RJ (490), Brasília/DF (126), Rio Grande/RS (61), Belém/PA (45), Ladário/MS (15), Manaus/AM (119), Natal/RN (30), Salvador/BA (59) e Iperó/SP (15).

Dentro das Forças Armadas, os soldados fuzileiros navais podem, por meio de processos seletivos, ascender na carreira, chegando aos postos de cabo e, depois, sargento. Atualmente, tais graduações contam com remuneração de R$ 2.627 e R$ 3.825, respectivamente.

EXÉRCITO

Também saiu o edital do concurso para sargento do Exército. A seleção preencherá 1.100 vagas para ingresso nos cursos de formação e graduação de sargentos das áreas geral/aviação, música e saúde, com início em fevereiro de 2020. As inscrições iniciam esta quarta-feira (20) no site oficial do Exército.

Das ofertas, 1.000 são destinadas a área geral/aviação, sendo 900 para os homens e 100 para mulheres. Os candidatos podem escolher entre as especialidades: infantaria, cavalaria, artilharia, engenharia, comunicações, material bélico (manutenção de viatura auto, manutenção de armamento, mecânico operador e manutenção de viatura blindada), manutenção de comunicações, topografia, intendência, aviação-manutenção e aviação-apoio. 

As outras 60 chances são para a área da música e estão distribuídas entre os seguintes instrumentos musicais: clarineta em MIB/clarineta em SIB (15), fagote em dó/contra-fagote em dó (1), flauta transversal em dó/flautim em dó (2), oboé em dó/corne-inglês (1), saxhorne barítono em SIB/saxhorne baixo em SIB (7), saxofone em MIB/saxofone em SIB (6), tuba em MIB/tuba em SIB (4), tímpanos, bombo, pratos, tarol e caixa surda (2), trombone tenor em SIB – de vara/trombone baixo em SIB – de vara (8), trompa em fá (2) e trompete/cornetim/flueghorne (12). Por fim, as 40 oportunidades do concurso para sargento são para o posto de técnico de enfermagem.

(Com informações JC Concursos)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Solve : *
8 − 4 =