Mulher é vítima de assédio sexual dentro de ônibus em Manaus

Manaus – A universitária Sarah Almeida, de 23 anos, foi vítima de um ‘encoxador’ – sujeito criminoso que se aproveita de ônibus lotados na maioria das vezes para abusar sexualmente de mulheres – e resolveu não se calar. Ela conta que estava indo para faculdade. As informações são do Amazonas News.

O incidente, relatado na página dela na tarde da última segunda-feira, 10/09, aconteceu em um ônibus da Global Green da linha 088 que estava indo para o Terminal de Integração 5 do bairro São José (T5). O crime aconteceu por volta das 17h20 e, de acordo com a vítima, o ônibus não estava cheio, ela estava sentada no coletivo, quando foi alvo do abusador.

A vítima informou que já sofreu abuso sexual em um outro ônibus pelo mesmo abusador.

“A primeira vez foi assim, ônibus vazio, eu sentada em uma das cadeiras (sobrou várias cadeiras no ônibus) esse senhor veio, ficou do meu lado em pé, e do nada ele começou a se esfregar em mim e mexendo em sua parte íntima, não aguentei aquela cena, me deparei com ele já praticamente em cima de mim. Eu pedi pra ele se afastar empurrei e sai e fui pra outro banco e óbvio, ele fico lá em pé”, desabafou.

A jovem também relatou na postagem sobre o último abuso do mesmo ‘encoxador’. 

“Hoje, segunda vez, entrei no ônibus, sentei em um dos bancos, e óbvio ainda ficou bancos vazios.. esse mesmo senhor entrou (Não me viu) então sentou em um dos bancos aleatórios. Ficou olhando pra ver quem seria sua próxima vítima.. Então infelizmente ele me viu, ele levantou, disfarçou e veio ate a mim, ficou do meu lado novamente e começou a se esfregar em mim com sua parte íntima “daquele jeito”, (Vale ressaltar que o ônibus tava vazio, então não tinha o pq ele está em pé). Eu pensei que teria uma reação de sei lá, fazer escândalo, etc.. Mas infelizmente eu já fico nervosa e a única coisa que pedi, foi pra ele se afastar, ele não afastou, então eu peguei o celular e tirei fotos, ele viu, então já foi saindo de perto de mim”.

Até a manhã desta terça-feira, 11/09, A postagem estava disponível. Entre os muitos comentários e amigos e desconhecidos que prestavam apoio a triste constatação de que ela integra uma lista lamentável, que não é exclusiva de Manaus.

Foto: reprodução Facebook

Até o momento, nenhum Boletim de Ocorrência sobre o caso foi registrado.

Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Solve : *
6 + 20 =