Mulher é vítima de estupro durante a madrugada no conjunto Viver Melhor

Manaus –  Uma mulher de 39 anos denunciou à Polícia Civil ter sido estuprada pelo ex-companheiro de 43 anos. O fato ocorreu na madrugada da última terça-feira (19) e o suspeito foi preso em flagrante pela Polícia Militar, na tarde do mesmo dia. O crime aconteceu em um apartamento do conjunto habitacional Viver Melhor 1, na Zona Norte de Manaus.

No 26º Distrito Integrado de Polícia (DIP), o suspeito alegou que não estava separado e que fez sexo com o consentimento da mulher. Entretanto, a vítima relata que estava dormindo e que acordou com o ex em cima de sua cama e com uma faca de cozinha. Ela afirma que teve de suportar a relação para não morrer.

Em depoimento, a vítima detalha que o ex-companheiro deixou a faca ao lado da cama e praticou o sexo. Ela relatou que viveu 20 anos com o homem, mas se separou por conta da violência extrema e também porque ele sempre queria manter relações forçadas. Na delegacia, ela descobriu que um de seus filhos, de 15 anos, forneceu uma chave para o ex e, por conta disso, teve acesso ao apartamento.

De acordo com o delegado Raul Neto, titular do 26º DIP, o suspeito foi detido por populares por volta das 17h do mesmo dia. “A 26ª Cicom foi acionada para atender um chamado de espancamento de um homem na rua. Quando a guarnição chegou, se deparou com o suspeito e os moradores falavam que ele era estuprador. A vítima confirmou o fato e ele foi autuado em flagrante por estupro”, explicou.

O suspeito foi encaminhado na tarde desta quarta-feira (20) para uma Audiência de Custódia, no Fórum Henock Reis, Aleixo, onde deve ser decidido se permanece preso ou responde o crime em liberdade.

Com informações Portal Acrítica

Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Solve : *
6 + 19 =