Image and video hosting by TinyPic

Operação “Luz para Poucos” prende quadrilha que transferia dívidas de empresários para moradores do conjunto Viver Melhor e Cidadão


Manaus – Na manhã dessa quinta-feira (11), a Polícia Civil do Amazonas, deflagrou a operação “Luz para Todos”,  desmantelou um esquema de fraude e furto de energia que teria causado um prejuízo de mais de R$ 30 milhões a Eletrobras Amazonas Energia.

O grupo criminoso foi descoberto após várias denúncias de moradores desses conjuntos habitacionais   que acarretou no desdobramento dessa operação de combate a corrupção dentro da estatal. Ao todo vinte e uma pessoas foram presas em Manaus e Iranduba, entre os detidos funcionários da Eletrobras Amazonas, eletricistas e empresários.

“A organização criminosa ajudava empresários que tinham  dívidas milhonarias com a estatal a fraudarem seus medidores elétricos, já dentro da instituição essas dividas  eram repassadas de forma irregulares aos moradores de conjuntos habitacionais como Viver Melhor e Conjunto Cidadão, comprometendo a renda familiar  dessas pessoas” , explicou o delegado Felipe Vasconcelos Dias da  Delegacia Especializada em Combate ao Furto de Energia, Água e Serviços de Telecomunicações (DECFS).

Os presos na operação “Luz para Poucos”, devem responder pelos crimes de estelionato, peculato, corrupção ativa e passiva e falsificação de documentos.


Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Solve : *
28 × 29 =