Presos fazem greve de fome nas penitenciárias do Amazonas


Manaus – Uma mensagem divulgada em grupos de  WhatsApp, sinaliza para uma paralisação  geral nas penitenciárias do Amazonas, em uma das mensagens, a partir de hoje, toda a “população carcerária”, deverá paralisar as atividades rotineiras e não aceitar alimentação fornecida pelo Estado, além não acatar qualquer ordem da Justiça.

A movimentação foi confirmada pelo presidente do Conselho Estadual de Defesa dos Direitos da Pessoa Humana no Amazonas, Glen Wilde, os detentos  se negam a comparecerem às audiências agendadas no Fórum Ministro Henoch Reis e recusam os alvarás de soltura expedido pela justiça.

Os detentos reclamam do ambiente insalubre ao qual são obrigados a convier além da falta de cursos profissionalizantes que não é oferecido pelo governo estadual.

Foto: Divulgação

A  Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap) informou que apura o caso e em breve deve  se posicionar sobre o ocorrido.


Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto:
Pular para a barra de ferramentas