Quadrilha de travestis venezuelanas é preso acusado de extorquir e roubar homens casados em Manaus

Manaus – Uma quadrilha liderada por travestis foi desarticulada pela Polícia Militar e Civil do Amazonas neste domingo(9/9) também atuava em um aplicativo gay, extorquindo vítimas. Clientes na maioria casados que tinham feito programa com as travestis eram coagidos, ameaçados e obrigados a entregar seus pertences aos criminosos que integravam o esquema.

Após surgirem as primeiras vítimas, a ação começou a ser investigada por policiais do 24° DIP, as vítimas da quadrilha eram escolhidas em aplicativos de paquera, a maioria destinada ao público homossexual. Travestis se faziam passar, muitas vezes, por homens ávidos por sexo. Depois do primeiro contato, as conversas se intensificavam por meio do aplicativo WhatsApp. Após a troca de mensagens, fotos íntimas e confidências sexuais, a vítimas e os travestis marcavam um encontro onde eram extorquidas e até assaltadas.

Por se tratar de estrangeiros o caso foi enviado a Superintendência Regional de Polícia Federal no Amazonas.

Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Solve : *
9 + 25 =