Image and video hosting by TinyPic

Saiba como funciona a polêmica Lei Rouanet

Erro no banco de dados do WordPress: [Table 'expr41812039866.wp_ryp5frf1zq_impulsosocial' doesn't exist]
SELECT * FROM wp_ryp5frf1zq_impulsosocial

Erro no banco de dados do WordPress: [Table 'expr41812039866.wp_ryp5frf1zq_impulsosocial_popup' doesn't exist]
SELECT * FROM wp_ryp5frf1zq_impulsosocial_popup


São Paulo –  A polêmica que envolveu a cantora Cláudia Leitte e a Lei de Incentivo à Cultura, a Lei Rouanet.

Tudo porque a cantora captou cerca de R$ 350 mil da Lei Rouanet para sua autobiografia. Muitas pessoas não sabem, mas Claudia Leitte é velha conhecida da Lei Rouanet. Em 2013 ela captou aproximadamente R$ 5,8 milhões para a realização de 12 apresentações do espetáculo “Shows Claudia Leitte” pelo país.

Mas você sabe como funciona a Lei Rouanet e a quem ela beneficia?

O objetivo da Lei Rouanet é promover, proteger e valorizar as expressões culturais nacionais. A ideia, com a lei, é assegurar e conservar o patrimônio histórico e artístico no país. Na prática, assegura benefícios às empresas e pessoas que aplicarem uma parte do Imposto de Renda em ações culturais.

O dinheiro da Lei Rouanet que vai para os projetos não vem diretamente do governo. Ele é proveniente de investidores e patrocinadores. Estes apoiadores podem utilizar a isenção em até 100% do valor no Imposto de Renda.

A lei de incentivos fiscais engloba toda a produção, a distribuição e o acesso aos produtos culturais, incluindo aprodução de CDs e DVDs, espetáculos musicais, teatrais, de dança, filmes e obras de audiovisual, exposições e livros nas áreas de ciências humanas, artes, imprensa, revistas, cursos e oficinas culturais.

Assista:


Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Solve : *
1 + 2 =