Taxista e passageiro são baleados no CSU do Parque 10

Manaus – Os irmãos Hudson de Oliveira Reis, 30, e Jair Oliveira Reis, 24, deram entrada com vários tiros pelo corpo, por volta das 16h, no Hospital Pronto Socorro 28 de Agosto, bairro Adrianópolis, zona Centro-Sul da cidade. De acordo com informações da polícia, eles foram baleados dentro de um táxi, que estava estacionado no Centro Social Urbano (CSU) do Parque Dez. As informações são do Em Tempo.

A primeira vítima levou cinco tiros em várias partes do corpo, principalmente na região do tórax, e deu entrada na unidade em estado grave. Ele foi encaminhado diretamente para centro cirúrgico. Já o irmão dele foi alvejado com quatro tiros, sendo dois no abdômen e um em cada braço.

De acordo com soldado Tony, que trabalha no posto de permanência da Polícia Militar, dentro da unidade de saúde, Hudson Reis, chegou na ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) em situação muito grave. Jair foi conduzido por duas pessoas, em um táxi de placa NOW 8093, atingido por disparos.

No início da noite, a assessoria do HPS 28 de Agosto confirmou o óbito de Hudson. Dado ainda como não identificado no hospital, o homem passou por manobras de ressuscitação, mas teve uma nova parada cardiorrespiratória no centro cirúrgico e foi a óbito.

Ainda não há informações sobre a motivação do crime. Foram disparados pelo menos dez tiros contra eles por dois homens em uma motocicleta não identificada. Jair chegou a pular o muro de uma casa para evitar ser baleado. Ele foi socorrido por moradores, no próprio táxi. Posteriormente, a polícia os levou ao 12º Distrito Integrado de Polícia (DIP) para prestarem esclarecimentos sobre o caso.

 

Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Solve : *
34 ⁄ 17 =