Image and video hosting by TinyPic

Tia é julgada por matar sobrinho com quem mantinha um relacionamento amoroso


Rio – Andira Abdelaziz, uma palestino-americana de 37 anos, está sendo julgada pela morte do sobrinho de 25 anos, com quem mantinha um relacionamento secreto. O caso ocorreu no Texas. As informações são do Notícias ao Minuto.

A tia assumiu ter matado Mohammed Abdelaziz, em agosto de 2016, depois de ter sido ameaçada e abusada por ele, segundo o Daily Mail.

A mulher, que alega inocência, justificou ter sido repetidamente criticada pelo sobrinho e agredida por ele, diversas vezes em público.

Segundo Andira, ela foi ameaça pelo sobrinho durante três anos, tempo em que se relacionaram. Ela nunca chegou a prestar queixa.

Andira esfaqueou o sobrinho nas costas, deixando-o sangrar até a morte. Se for acusada pelo crime, a tia poderá pegar pena de prisão perpétua. Com informações do Notícias ao Minuto.


Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Solve : *
16 × 7 =