Adolescente de 15 anos é estuprada a caminho da escola por mototaxista

Manacapuru – A Polícia Civil do Amazonas, por meio da equipe de investigação da Delegacia Especializada de Polícia (DEP) de Manacapuru, sob o comando da delegada Roberta Merly, titular da unidade policial, prendeu em flagrante, na noite de quarta-feira (20/3), por volta das 23h, naquele município, distante 68 quilômetros em linha reta da capital, o mototaxista Ernane Afonso de Queiroz, 31, denunciado por estuprar uma adolescente de 15 anos.

De acordo com a autoridade policial, o estupro aconteceu na manhã de quarta-feira (20/3), por volta das 7h, quando a mãe da adolescente chamou o mototaxista para levar a filha até a escola. Durante o trajeto, o infrator levou a vítima ao loteamento Monte Cristo, Comunidade Rosa Mística, em Manacapuru, onde consumou o estupro. Após o ato, Ernane levou a adolescente até o bairro Terra Preta, onde a vítima buscou ajuda em um colégio e relatou o ocorrido.

“O representante do Conselho Tutelar foi acionado e acompanhou a vítima até o hospital, onde foi submetida a exame de conjunção carnal que confirmou o estupro. Assim que fomos informados sobre a ocorrência, nos deslocamos até a unidade hospitalar. Ouvimos a adolescente e a encaminhados para o atendimento psicológico junto ao Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas)”, explicou Merly.

As equipes da Delegacia Interativa de Polícia (DIP) e DEP de Manacapuru saíram em busca do infrator e o localizaram na casa dele, localizada na avenida Padre Rafael. Conduzido à delegacia, Ernane confessou a autoria do estupro. O mototaxista argumentou que estava sob efeito de drogas no momento em que consumou o delito.

Ao término dos procedimentos cabíveis na DEP de Manacapuru, o infrator ficará à disposição da Justiça, custodiado na carceragem da delegacia, que funciona como unidade prisional em Manacapuru.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Solve : *
30 × 1 =