Desentendimento em fila na hora de votar termina em pancadaria no bairro Puraquequera

Manaus – Uma mulher de 50 anos foi detida na manhã deste domingo (6) após agredir uma mesária na Escola Estadual Francisco Nunes da Silva, localizada no bairro Puraquequera, Zona Leste de Manaus. Segundo o delegado geral adjunto da Polícia Civil, Ivo Martins, houve um desentendimento entre as duas após outros eleitores “furarem” a fila.

Ivo Martins contou que a mulher, que não teve o nome revelado, estava comemorando o aniversário dela antes de ir votar e ficou alterada após algumas pessoas passarem na frente dela. Ela alega que tem uma doença grave e teria prioridade. “Ele foi autuada em razão da desordem, mas a situação já está resolvida”.

Conforme o delegado, as mulheres discutiram e partiram para agressão. Policiais militares da 28° Cicom foram acionados  e conduziram as envolvidas para o auditório Nina Lins, onde está funcionando um posto da Polícia Civil e para onde os envolvidos em crimes eleitorais são levados.

Segundo o delegado, a mulher segue alterada e ainda presta esclarecimentos sobre o caso. Após o depoimento ela assinará um Termo Circunstanciado  de Ocorrência (TCO) e será liberada ainda hoje.

Com informações Portal Acrítica

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Solve : *
26 − 23 =