Estudante carrega livros na cabeça para driblar cheia e chegar ao colégio no Amazonas

Anamã – A cheia continua afetando os municípios do interior do Amazonas. Em Anamã, cidade a 165 Km de Manaus, o Rio Solimões inunda parte das ruas. Imagens enviadas à Rede Amazônica mostram que a situação tem prejudicado quem precisa ir para a escola.

Nas fotos, é possível ver alunos atravessando as ruas inundadas para chegarem às aulas. Para não molharem os livros, eles os levam na cabeça.

Aluno vai à escola com livros na cabeça (Foto: Reprodução/Rede Amazônica)
Aluno vai à escola com livros na cabeça (Foto: Reprodução/Rede Amazônica)

Segundo moradores do município, o caminho para a escola é dificultado porque ainda não foram construídas ‘marombas’ (pontes feitas de madeira).

Anamã é uma das 29 cidades em situação de alerta. Um total de 13 municípios segue em emergência por conta da cheia. Com informações G1.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Solve : *
21 − 8 =