Funcionário do Ibis é preso após estuprar hóspede

São Paulo -Um funcionário do Hotel Ibis, em Paulínia (SP), foi preso no domingo (17) após estuprar uma hóspede. De acordo com a Polícia Civil, o caso ocorreu na madrugada de sábado (16), depois que um casal teve uma discussão no  estabelecimento.

O delegado Rodrigo Luís Galazzo diz que as imagens mostram o funcionário entrando no quarto e saindo correndo pouco depois. Inicialmente, ele teria negado o estupro, mas diante das evidências acabou confessando. “Parece que ela adormeceu e ao acordar já estava sendo violentada, ocasião em que gritou e foi agredida”.

Durante o depoimento, o suspeito negou as acusações, mas depois de ver as imagens fez a confissão, informou o delegado responsável pela investigação.

“Ele confessou a prática de estupro e alegou que cometeu o crime porque teve vontade de manter relações sexuais com a vítima”, disse o policial.

Após o depoimento, a vítima fez o reconhecimento do suspeito. Ele permanecerá preso até o julgamento, por se tratar de crime hediondo. Se condenado, poderá cumprir de seis a dez anos de prisão.O hotel informou que colabora com as investigações.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Solve : *
27 ⁄ 9 =