Quadrilha que vendia drogas sintéticas é presa

Manaus – Uma quadrilha especializada em venda e distribuição de drogas sintéticas em Manaus foi presa durante uma ação policial realizada pela Ronda Ostensiva Cândido Mariano (Rocam), nesta sexta-feira (31). Cinco pessoas foram presas e são suspeitas de revender os entorpecentes e os comprimidos de LSD e ecstasy em festas para jovens das classes média e alta da capital amazonense.

De acordo com o tenente Aldivan, a equipe policial recebeu uma denúncia anônima de que dois homens fariam uma entrega de drogas em um posto de gasolina, localizado entre as avenidas Rodrigo Otávio e Tefé, no bairro Japiim, Zona Sul de Manaus. Os policiais foram ao local indicado e conseguiram identificar o veículo com as características passadas pelo denunciante.

Lucas Batista Gurgel, 20, e Felipe Antônio Pereira Araújo, 28, estavam no veículo, modelo Classic, de cor preta e placas NOZ-0551, e portavam aproximadamente cem comprimidos de LSD. Os dois acabaram entregando a participação de outro suspeito, que aguardava próximo do local em um veículo, modelo Cruze, de cor azul e placas PHL-2853. O suspeito disse que guardava em casa mais 40 comprimidos de ectasy.

Os suspeitos também confessaram que haviam acabado de pegar as drogas em uma casa, situada no Conjunto Hileia, bairro Redenção, na Zona Oeste da cidade. Lá no local indicado, os PMs encontraram mais 300 gramas de shunk e prenderam outros dois suspeitos.

Além de Lucas e Felipe, foram presos Edmilson Oliveira de Lima, 24, Thiago José Souza Martins, 28, e Mateus Rodrigues Ribeiro de Araújo, 22. Todos os envolvidos, segundo a polícia, também são de classe média e frequentavam raves e outras festas da alta sociedade.

Segundo os policiais, um dos envolvidos é parente de uma autoridade do judiciário amazonense. O bando utilizava carros importados para realizar a entrega das drogas.

No total foram apreendidos 96 comprimidos de LSD, 138 de ecstasy, uma porção grande de shunk e três balanças de precisão. O caso foi registrado no 16º Distrito Integrado de Polícia (DIP).

Com informações Em Tempo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Solve : *
10 − 1 =