Rodoviários rejeitam proposta de 10% e nova greve pode acontecer na segunda-feira

Manaus – Os trabalhadores de transportes rodoviários em Manaus decidiram manter o indicativo de greve da categoria e Manaus vai ficar sem ônibus na próxima segunda-feira (30). A decisão unânime foi tomada após duas assembleias realizadas nesta quinta-feira (26), na sede da entidade, à Rua Belém, Bairro Nossa Senhora das Graças, Zona Centro-Sul. As informações são do Portal Em Tempo.

 De acordo com o sindicato da categoria, os empresários não cumpriram a promessa de pagar o reajuste de 10%, retroativo a março de 2016, feito com intermediação da prefeitura, o que causou grande revolta entre os trabalhadores.

“Eles vieram com a proposta de pagar os dez por cento a partir de fevereiro, mas sem o retroativo, o que não foi aceito pela categoria”, informou o secretário geral do Sindicato dos Trabalhadores em Transporte Coletivo de Manaus, Elcio Campos.

A primeira assembleia foi pela manhã, às 9h, e teve a participação de aproximadamente 200 rodoviários. À tarde, a participação foi bem maior, com mais de 500 trabalhadores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Solve : *
16 + 11 =