Segunda fase da Maus Caminhos revela ‘vinho’ de R$ 70 mil para ex-secretário Afonso Lobo

Manaus – O ex-secretário da Fazenda, Afonso Lobo,  foi alvo de uma operação da Polícia Federal (PF) na manhã desta quarta-feira(13), durante um desdobramento da Operação Maus Caminhos, que foi batizada de Operação Custo Político.

Segundo documentos apreendidos pelo Ministério Público Federal (MPF), o ex-secretário era um dos integrantes de uma organização criminosa que visava desviar recursos oriundos da saúde pública no Amazonas.

Afonso Lobo , secretário de Estado de Fazenda, exigia do líder da organização criminosa  Mohamad Mustafa, uma propina mensal para facilitar os pagamentos do governo as empresas de Mouhamad e o INC .

Em um dos documento entregue a justiça é relatado que os dois acertam uma propina referente a um ‘vinho’ no valor de R$ 70 mil que o grupo teria que pagar ao secretário.

Além do vinho de alto valor, ingressos de festivais de grande porte, viagens, carros de luxos, diárias de hotéis e outras benesses  eram entregues em propina para Afonso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Solve : *
19 × 10 =